quinta-feira, 16 de novembro de 2017





Festival Internacional de Berlim transformou jovens refugiados do Afeganistão em poetas.

Enquanto o presidente parlamentar da Alemanha, Norbert Lammert, ainda conversava com o escritor argelino Boualem Sansal sobre o romance "2084. O fim do mundo", as multidões já estavam fazendo fila para o "Projeto de Poesia".
Durante o período de oito meses, jovens de 14 a 18 anos do Afeganistão e do Irã encontraram-se com seus mentores de poesia em Berlim para realização das oficinas. Todos tinham uma experiência em comum: eles teriam viajado sozinhos, alguns deles indo do Afeganistão para o Irã, onde viveram tempos difíceis para depois partir pra Europa. Yasser Niksada, o mais jovem do grupo, disse: "Esteja ao meu lado e veja o que acontece comigo". E, de fato, usando palavras e ritmos para capturar estas experiências tão particulares e duras, os refugiados conseguiram alcançar não apenas as mentes, mas também as emoções da platéia. Eles expuseram suas vidas e pensamentos - e a audiência entendeu.
Os poemas falam de medo, solidão e anseio. Muitos dos poemas falam de saudade de um Pai ou uma Mãe que perderam. "se eu pudesse, me transformaria em calos na sua mão" escreveu Samiullah Rassouli, de 17 anos de idade, em um poema para seu Pai.
Kahel Kashmiri, outro jovem poeta, disse que quer seguir a carreira de poeta e escritor.
os jovens leram seus poemas em um alemão impressionante, conforme escreveu a matéria. e tiveram poucos meses de estudos.
"Nunca ouvi poemas como estes antes", foram as palavras de Uli Schreiber, antigo membro do Parlamento de Bremen ( CDU ). "Estes são versos que entrarão na memória coletiva do nosso tempo".

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Informática na era da Informação


informática para os portugueses tornou-se sinônimo de ciência da computação. enquanto para os brasileiros, seu significado está associado aos estudos em processamento de dados. porém, no início do século XX, a matemática já adotava conceitos do estudo da informação através de problemas que poderiam ser computados ou resolvidos através de simples instruções que ganharam o nome de algorítmos durante a revolução industrial.
ao longo do século 20, computadores de grande porte ajudaram enormemente no campo das pesquisas científicas e automação das empresas. no início, um único computador de grande porte - o Mainframe - ocupava salas tão grandes quanto estádios de futebol e uma equipe reduzida de profissionais altamente treinados e muito bem pagos. se por um lado os dados estavam sendo digitalizados para serem processados por computadores, por outro lado, os livros ainda eram impressos no papel. parece que os dados, durante muito tempo, ainda seriam disponibilizados como resultado final em formulários impressos. esta revolução ainda não foi muito bem trabalhada : o fim do papel enquanto para uso de impressão de dados.
no entanto, em meados da década de 1980, começou uma outra revolução: levar os computadores para os lares. e o desafio de transpor este abismo foi completado com êxito. se no começo do século 20 os cientistas queriam transformar os algorítimos em processos simples para resolver problemas e criaram grandes computadores, na 2a. metade do século 20 alguns jovens frutos do movimento hippie entenderam que era possível criar pequenos computadores e levar para as casas. desta forma, tornar o computador popular e acessível. nasce uma outra indústria, a dos computadores pessoais. a revolução foi tão intensa que os computadores pessoais invadiram os escritórios, as escolas e os lares. como resultado, milhões de computadores de pequeno porte foram produzidos. mas, para vencer este desafio, não somente tiveram que criar softwares inteligentes que facilitassem a vida das pessoas comuns (diferentemente, daquele grupo restrito e especializado que operavam os computadores de grande porte), como também trabalhar intensamente no marketing destes produtos. Bill Gates e Steve Jobs, com toda certeza, tornaram-se nomes populares e grandes responsáveis por esta transição dos computadores e de sua presença nos lares como se fossem eletrodomésticos. sobre a questão dos papéis e dos livros versus livros digitais, isto não foi bem resolvido ainda. parece-me que continuamos digitando textos em diferentes plataformas, mas gostamos de ler no papel. aqui a transição - que poderia ser mais fácil do que a transformação do computador de grande porte ao computador que parece um eletrodoméstico - não parece evoluir. ao mesmo tempo que a informática é todo este aparato tecnológico, a informação é o processamento e a manipulação dos dados. tanto é também o conhecimento que é passado, seja por um veículo que informe ou por um porta voz. hoje, temos inúmeros aplicativos e programas de software que fazem armazenamento de voz e disponibilizam para que possamos ouvir num dado momento. como exemplo, o soundcloud que permite criar e disponibilizar podcasts. aliás, o soundcloud coloca tudo na nuvem, o que facilita utilizar a partir de qualquer dispositivo seja celular ou computador pessoal.
o cientista Alvin Toffler previra em 1980 que a era do conhecimento seria a transição da era da informação que sucedeu a revolução industrial. ou seja, embarcamos faz algum tempo na era do conhecimento. então, desde que os computadores chegaram nas casas como novos eletrodomésticos, tudo ficou mais simples. em teoria, a simplicidade de ligar um computador e usá-lo faz sentido. porém, parece que a sociedade ainda não conseguiu assimilar bem o que é a era do conhecimento. para que se tenha conhecimento, é preciso antes de mais nada organizar os dados, as informações e processá-las. mas isto não deveria ser papel dos computadores? os computadores que estão nas indústrias e universidades, órgãos do governo, processos milhões de dados e muitos deles científicos, envolvendo cálculos complicados. enquanto os computadores nos lares ficam conectados na internet, podendo substituir os jornais impressos e revistas (estes que diminuíram significativamente a produção em papel devido as vendas em queda), facilitando pequenos trabalhos com planilhas eletrônicas e editores de texto. em contra-partida, os jogos de computadores e a internet impulsionaram a disseminação destes computadores pessoais. e a China começa a aparecer nesta história. os computadores pessoais só tornaram mais baratos em meados da década de 1990 e início no novo século. o único país no mundo que possibilitaria fazer placas de circuito impresso e qualquer outra parte do computador em grande escala e barato seria a China. se por um lado facilitaram o acesso ao computador pessoal, o que de fato fazer com ele? Steve Jobs e Bill Gates realizaram - mesmo que de forma concorrente - o sonho de colocar nos lares computadores pequenos para uso pessoal. mas enquanto esta revolução corria mundo, como nós brasileiros deparamos com o conhecimento? deveríamos tornar pessoas mais inteligentes pelo fato de termos computadores em casa e nas escolas? parece que, do ponto de vista dos cientistas de começo de século quando faziam experiências com dados matemáticos e algorítimos, faria sentido. no entanto, hoje vemos que os alunos tiram notas baixas nas escolas, o ENEM parece demonstrar que os jovens não estão assimilando bem esta era do conhecimento e o papel no formato livro ainda não ficou 100% digitalizado. são dados do quebra-cabeça que não juntam. o livro veio antes do computador, isto é fato. mas o computador e toda plataforma digital não matou o livro em papel. porém, o computador deveria ser um forte aliado na busca do conhecimento e deveríamos tornar pessoas mais inteligentes sabendo fazer uso do conhecimento. então, me parece que enquanto nosso País e com teu plano de educação, estamos falhando com os jovens nesta transição do conhecimento. e como reparar este erro ? assistindo aos exames do ENEM e as notas máximas e mínimas divulgadas pelo MEC? enquanto o ENEM é consequência, temos que olhar o que vem antes que é todo processo de educação do indivíduo desde que nasceu. e aí, talvez, os computadores pessoais entregues como eletrodomésticos pode ser que falharam : ninguém diz o que fazer com o computador pessoal. tanto pode servir de enfeite na sala como outros livros na estante, como pode servir de uma potente ferramenta para desenvolvimento do conhecimento através do uso da informação.


* foto (internet) : escultura do artista Francisco Brennand 

segunda-feira, 25 de setembro de 2017

Brooks anuncia pré-vendas do Levitate e marca data de lançamento





Brooks Levitate --> lançamento para dia 30/09 

depois de 7 anos de estudos e pesquisa em parceria com a empresa química BASF de origem alemã, a marca americana Brooks marcou para dia 30/09 o lançamento do tênis Levitate.
a nova borracha de amortecimento conta com uma nova mistura do material Elastopan® Sports Light da BASF. ao melhorar a fórmula realizando novas modificações ao poliuretano, o resultado é uma borracha de maior conforto e durabilidade, fornecendo aos corredores 70% de RETORNO DE ENERGIA POR CADA KILO DE FORÇA, segundo avaliação do método da Brooks.
uma coisa eu posso afirmar, os tênis de amortecimento da Brooks são muito confortáveis de vestir. quem usa a marca, não abandona depois.
"A Brooks Running é amplamente reconhecida como líder em calçados para corredores", disse Chau Nguyen, gerente de mercado de calçados da BASF na América do Norte. "Através de nossa parceria para desenvolver o novo Levitate, a BASF utilizou sua experiência em materiais de performance para criar uma entressola de poliuretano que é feita sob medida para a Brooks".
o site da marca já está realizando  pré-vendas aqui.
[creio que 2017 ainda terá mais surpresas. no entanto, o ano começou à MIL --> Nike VaporFly 4% (de 212 gramas no tamanho 10US, placa de carbono em todo solado, maior resposta no médio pé, cabedal sem costuras e de tecido fino, respirável, produto genial), Brooks Levitate ... a briga está seríssima para os tênis de rodagem (apesar que o 4% é de competição e indicado para provas longas)]

sexta-feira, 22 de setembro de 2017

NIKE VAPORFLY ELITE --> marca irá comercializar poucas unidades


Conforme anunciou o site SOLECOLLECTOR :

por 500 EUROS, a Nike irá comercializar APENAS 99 PARES desta jóia pra correr : NIKE VAPORFLY ELITE na edição em vermelho com preto




porém, as unidades estarão disponíveis apenas para os funcionários da marca em alguns escritórios na Europa. contudo, a venda estará liberada à partir deste domingo apenas aqueles que cumprirem um desafio "Just Do It" com o aplicativo Nike NRC. 

Logo após, a marca irá comercializar alguns outros pares na loja de Berlim e pela bagatela de 500 euros (cerca de 1.800,00 reais).



https://solecollector.com/news/2017/09/red-nike-zoom-vaporfly-elite-berlin-eliud-kipchoge

sábado, 19 de dezembro de 2015

Dry World - a marca esportiva canadense poderá iniciar operações no Brasil em Janeiro de 2016





Marca esportiva canadense desembarca no Brasil em janeiro de 2016

A Dry World, seguindo o exemplo da americana Under Armour, inicia por aqui através de uma parceria com times de futebol. Em uma pesquisa, lí sobre patrocínios com o Atlético Mineiro. Já, numa outra matéria, divulga que o Fluminense também assinou contratos de 3.5 milhões de dólares/ano com a marca. Fluminense escreveu sobre rompimento com Adidas. Para ter uma idéia de valor,  o adversário Flamengo recebe atualmente 20 milhões de dólares por ano pela marca alemã Adidas. No caso da Dry World, para vencer problemas de logística, pretende comprar uma fábrica no Brasil e usar muito do comércio eletrônico. Com a saída das marcas Topper e Rainha do cenário, cujos ativos foram vendidos por 50 milhões de reais, a fatia que fica atrai mercado para novas marcas ou consolidação das que já trabalham no País. Quem é profissional de logística (uma das profissões mais solicitadas e requisitadas) terão boas oportunidades neste segmento esportivo.


quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Lençóis brancos

2o. Mini-Conto

Lençóis brancos

a textura da pele denunciava a morte
de dias
era um corpo nú
parecia envelhecido
palidez
sob a cama um sinal demarcado
sangue coagulado em cruz

A beleza de um traço




1o. Mini-Conto sem WhatsApp para praticar um pouco da escrita

A beleza de um traço

Eu estou te dizendo, que ele fez a tatuagem de um pedaço do teclado de um piano
Compreendi. Isto é, poderia ter feito todo o piano. Não fez sentido quando vi aquelas 3 teclas rabiscadas no antebraço esquerdo 
E daí? São elas conectadas por um fio e que estende até o bíceps. E, justamente ali, tem um pedaço de uma partitura
Um pedaço novamente
Está bem. Você quer saber o sentido das coisas
O sentido não, o sígno das coisas
Eu explico. Ele desde muito pequeno tocava num piano de caldas de sua avó materna. Eram muito queridos. Esta tatuagem foi uma forma de homenagear. Da mesma forma, do seu estudo com a música
E a partitura. Imagino tratar da quinta sinfonia de Beethoven?
Engraçadinho
Esta defesa toda por um suposto affair?
Suposto caso? Você me conhece desde 1992, ora bolas
Estamos na reta dos 30 anos. O que significa que conhecemos desde muito pequenos
O que significa que nos conhecemos muito pouco. Só que este pouco é suficiente para conhecermos bem
Então, já estava na hora de aceitar meus amores, afetos e desafetos e não discutir tanto relações com base no significado das coisas. Sempre gostei de pessoas sensíveis, artísticas 
Está bem, não vai ter mais Beethoven nem teclas estilhaçadas de piano de mesa em nossos encontros. Só não use tanto meu whatsapp para mandar mensagens sobre o que fazer da próxima vez que se apaixonar por alguém com uma tatuagem de piano de calda e borboletas coloridas esvoaçantes
Eu não sou junguiana nem cognitiva. Se apego à sensibilidade humana, eis um pouco da minha personalidade
Beijos


17/12/2015

domingo, 13 de dezembro de 2015



Diante de um personagem
E, estando dentro de um outro
Experimentamos
Um dia, imaginei que seria possível experimentar
E foram 3 anos intensos de Vivenciando O Instinto Teatral
Um curso experimental e de formação teatral
Hoje, eu faço psicanálise
E este é real, não existe personagem
Estou diante de uma outra pessoa
Um profissional especializado na compreensão humana
no intuito de desenvolver o máximo potencial
São situações em que de um lado existe o experimentar
por outro, compreender, aceitar
A teoria em conflito ou parceria com a prática
Existindo o entendimento e aprofundamento do Ser
Em ambas situações vivenciadas, está em jogo um imenso aprendizado
Eu tenho a impressão que estarei eternamente aprendendo
Até o fim
Existem compreensões, aceitações, dúvidas, riscos, muito aprendizado, decepções, vitórias, entendimentos e desentendimentos
Nunca falaram que "ser humano" é complexo demais, difícil demais
Porque, enquanto a maioria vivencia as coisas e não reflete, opina, aceita sem questionar, eu faço ao contrário
Eu não sei o que é o final da linha
Porque traçamos planos, estamos vivos, vamos construíndo e destruíndo
Porém, sempre amando o que fazemos independente do nível de dificuldade ou prazer
Certa vez me disseram que a profissão de ator era uma das mais difíceis do mundo
Eu pensei "Shakespeare tem quase meio milênio", será que não inventaram uma fórmula? Por que complicar tanto? É uma resposta muito difícil. E porque o humano é complexo demais. A boa arte é exigente, busca uma espécie de perfeição, do sublime, a catarse
É melhor fazermos melhores perguntas do que tentarmos encontrar todas as respostas sempre. E tudo parte do princípio de que a evolução, as experiências, vão aperfeiçoando, mudando o rumo, dando novas possibilidades, perspectivas, horizontes
Daí, por um exemplo simples de uma profissão, vamos compreendendo o quão complexo é ser humano. Temos limitações, temos qualidades, vivemos numa sociedade complexa Porém, como desenvolver as virtudes humanas sem conhecê-las, sem saber em que nível as possuímos, e sem dar espaço para estudá-las e praticá-las?
Vivenciar é uma palavra que pra mim hoje tem um peso enorme Eu preciso vivenciar as coisas para refletir, para melhorar, para corrigir, para tornar uma pessoa melhor
O teatro seria uma escolha muito difícil e hoje eu não tenho condições de trilhar tal caminho
Gostaria muito
O ator é um corpo que se empresta, uma voz que se doa, para que um personagem materialize. Estando em jogo os arquétipos, que exigem percepção, sensibilidades e qualidades que o ator experimentado possibilitará criar. E aí existe muita dor, muita doação, muito pensamento e saber para encontrar o prazer diário de se fazer este ser teatral
Contudo, estou feliz com as possibilidades que tenho obtido e do outro difícil caminho que tenho trilhado. Escolhemos profissões difíceis, trabalhamos em setores complexos, lidamos com pessoas de diferentes interpretações de vida e experiências Talvez, um dia, tudo isto tenha um peso enorme em minha trajetória de vida. Dado ao tempo dedicado ao experimentar e aprender. Esqueci de comentar das letras, um outro caminho que dedico algum tempo para saber um pouco mais. Nada é fácil
Foto: Teatro Fábrica Personagem: Sepúlveda  Espetáculo Apresentado no Teatro Fábrica para o público Grupo: Instinto Teatral Ano: 2007
Professores: Aline Borsari e Marco Plá 

terça-feira, 27 de outubro de 2015

Aos amantes da Dieta Paleo, Low Carb --> um alerta sobre câncer.

Eu nunca fui adepto de dietas que envolvem gorduras animais ou vegetais (óleo de côco), porque sempre tive intolerância. E, como atleta amador (2 maratonas, 8 corridas de São Silvestres, mais de 100 provas de 5000 metros e algumas dezenas de 10000 metros, 10k, 21K), sempre pesquisei nestes 8 anos passados sobre uma dieta mais conveniente para o corpo do atleta. Não é porque sou vegetariano desde 2011, que eu não tenha o que dizer sobre carnes e gorduras animais. Tenho 42 anos de idade e passei mais da metade de minha vida como carnívoro. Apesar de que também nunca abusei de carnes vermelhas. E , sobre a cetose (que dizem ser um grande aliado da dieta paleo no emagrecimento), eu conversei com alguns médicos e nutricionistas e afirmaram que basta um jejum tomando água ou líquidos (sucos) por 1 dia para o corpo entrar neste processo e é bem mais rápido do que na Paleo (que precisa de 1 semana ou mais). A busca pelo emagrecimento requer disciplina, organização, pesquisa, saber selecionar alimentos ricos em nutrientes importantes e algum profissional como nutricionista, nutrólogo acompanhando. O equilíbrio entre proteínas, vitaminas, carboidratos, fibras, minerais, dentre outros itens, e muita água, são fundamentais para uma alimentação equilibrada e saudável. Contudo, resta saber que tipo de proteína ingerir. O reino vegetal é repleto de nutrientes ricos em proteínas. À seguir, um alerta sobre a proteína animal. E nem vou falar nada aqui sobre Soja, porque eu mesmo não uso. Mas o leite de amêndoas germinadas ou de sementes de cajú é muito bom.


http://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2015/10/1698541-carnes-processadas-podem-causar-cancer-diz-oms.shtml

segunda-feira, 19 de outubro de 2015

47o. Campeonato Estadual Caixa de Atletismo Master



47o. Campeonato Estadual Caixa de Atletismo Master 17 e 18 de 2015 Cidade de São Paulo Neste vídeo vocês verão a prova de 1500 metros rasos e onde correram atletas da categoria 50 anos até 60 anos. Para esta distância, houveram quebras de recordes na categoria 30-34 anos. Realizei esta prova numa outra bateria. Categoria 40-44 anos de idade. Com alto nível geral, as competições trouxeram grande experiência aos distintos atletas representantes de diversos estados brasileiros. Corri pela equipe Branca Esportes. No vídeo, destaque para nosso colega Luis Eduardo Rocha, da equipe +VELOZES, que vieram da cidade do Rio de Janeiro. Um grande atleta e pessoa. Este compete distâncias dos 800 metros rasos até 21KM, tendo um lastro e experiências incríveis. Espero que gostem. Utilizei uma GoPro Hero3. Como o dia estava nublado e a câmera não permite zoom, ficou um pouco dificultado visualização. Valendo a intenção e a emoção em ver atletas desta idade correndo 1500 metros rasos pra 4 minutos e 30 segundos em média. Muito boas marcas.





segunda-feira, 21 de setembro de 2015


Este mês no Canadá, teve a estréia do filme "The Program", do realizador Stephen Frears. A história conta ascensão e queda do ciclista Lance Armstron. Acho que não tem data para estréia no Brasil. O interessante é que trata-se de um filme de co-produção França e Inglaterra. Parece que os americanos não gostam muito de expor seus podres. E já vou dizendo. Uá!




domingo, 16 de agosto de 2015

Zé Celso sobre os atos em 16/08





Zé Celso sobre os atos em 16/08: "Uma marcha verde e amarelo d..."Dia 16 será tomado por uma marcha de ódio verde e amarela", diz José Celso Martinez Corrêa.Em entrevista à #tvCarta, ele falou sobre as manifestações que acontecem hoje no país e sobre o Teatro Oficina Uzyna Uzona, que completa 54 anos nesse domingo. EVOÉ!Veja a programação da festa aqui: http://on.fb.me/1TlYKlC
Posted by CartaCapital on Domingo, 16 de agosto de 2015



segunda-feira, 10 de agosto de 2015

A hegemonia etíope e os afilhados de Alberto Salazar no RunningNews


Existe uma tradição etíope de celeiro do atletismo, onde forjam grandes nomes e tidos como heróis. Em provas de fundo, temos expoentes como Haile Gebrselassie, que foi bicampeão olímpico e tetracampeão mundial na distância de 10.000 m e também estabeleceu 27 recordes mundiais desde distâncias que vão dos 3.000 m até a maratona. No texto à seguir, para o blog Openland, o destaque fica para o jovem etíope de 18 anos, Yomif Kejelcha. Este, com certeza, será destaque nas provas de fundo durante os jogos Olímpicos do Rio 2016. Confiram : 

http://www.runningnews.com.br/noticias/a-hegemonia-etiope-e-os-afilhados-de-salazar/2015/08/


quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Ex-CEO da HP confirma que está concorrendo à presidência dos EUA



Em duas ocasiões, quando eu estava trabalhando na HP do Brasil, tive a oportunidade de conhecer pessoalmente Carly Fiorina. Na primeira vez, ela esteve no Brasil para falar com grandes executivos de importantes Clientes e levar a mensagem para mais de 3 mil funcionários por conta do Pré-Merge HP e Compaq. Uma mega fusão pioneira no mundo em empresas do setor da Computação e IT,  que uniu HP e Compaq. Este seria o ano de 2001. Na outra ocasião, em 2004, nos visitou para inaugurar um mega Datacenter em Alphaville, com a presença do então Presidente da República, Sr. Lula da Silva. Em ambas ocasiões, Carly almoçou com funcionários, teve oportunidade em realizar pronunciamentos, premiar destaques de áreas, tirar dúvidas de muitos colaboradores e até apertar a mão de muita gente. Depois que Carly deixou a HP, acompanhei sua evolução na política através da mídia e lendo seu livro (Escolhas Difíceis) que aborda sua trajetória profissional. Recentemente, ao ler que estaria candidatando a Presidência dos USA, eu só tenho a dizer que, uma mulher formada em História com Mestrado em História Medieval, vários MBAs na área da Tecnologia da Informação e inúmeras experiências internacionais comandando empresas do porte de uma HP, tem total competência e discernimento. Tem que tentar, arriscar, conseguindo, se realizar neste cargo que é uma das maiores ambições, senão for a maior, no âmbito da política, sociologia e crescimento humano. Uma mulher de grande valor e destaque, merece sucesso e tem que concorrer!

A matéria completa segue no link à seguir : http://codigofonte.uol.com.br/noticias/ex-ceo-da-hp-confirma-que-esta-concorrendo-a-presidencia-dos-eua

domingo, 2 de agosto de 2015

Mutai Training







Depoimento de Mutai sobre corrida, sobre sentir dor e correr com o coração por gostar disto. O atleta queniano de 33 anos tem seu melhor tempo em maratona pra 2h04m15s, feitos em Berlim no ano de 2012 (oficial, porque em Boston no ano de 2011, seu tempo sendo melhor da história daquela corrida não foi considerado pela IAAF como oficial, devido ao percurso da prova).
Mutai acredita que pessoas devem ser orientadas por um treinador, mesmo em campo, ou numa prova de corridas para incentivá-los.

E quando ele diz que a corrida deve estar conosco e no coração :
"Running career is something which must be in you. In you heart."
Muitas vezes, muitas pessoas desistem do esporte. Talvez, porque entraram num momento de euforia ou fase. Contudo, permanecer no esporte (seja como profissional ou amador) requer disciplina, foco e vontade de crescer, de evoluir. Ele coloca esta pitada extra e fundamental, que é o amor! Mesmo sendo um esporte que exige do corpo e da mente, que sentimos dores, cansaço, fadigas ... afinal, é corrida, é submeter o corpo ao estresse, aos limites máximos.
"All the races must have pain. Even if you are the winner you must feel the pain."
Notem as passadas largas do atleta no minuto 1 ao minuto 1'14". É muita raça, talento, biotipo e biomecânica juntos. São os Quenianos. Atualmente, os fundistas mais rápidos do atletismo mundial são quenianos ou etíopes.

sexta-feira, 24 de julho de 2015

ONCOTO_Entrevista Arto Lindsay





Arto Lindsay. Que saudade.
Americano, morou toda infância e adolescência no Brasil. Cresceu no Brasil no período tropicalista. Voltou pra NY pra fazer Faculdade e era um período que não fez música. Mas era o fim da era Hippie e o começo da geração Punk. No período de estudos, ainda jovem, apenas ouvia muita música. Esta entrevista é muito importante. Arto é um gênio. Produziu os melhores discos de Marisa Monte, produziu Nação Zumbi, Gal, entre outros. Amigo de Caetano e Gil, Björk, muitos, e influenciou muita gente. Entrevista limpa, sincera, notem quando ele fala que chegou em NY para estudar e encontrou uma cidade em decadência, cheia de crimes e pobreza. E, com a chegada dos jovens, com toda nostalgia, a cidade vai mudando lentamente. De como ele se comunica com as artes plásticas, as performances, o teatro e a sua música. Arto é queridíssimo e respeitado tanto na Europa quanto USA. Canta em inglês e português e tem um trabalho profundo de pesquisa com guitarra rítmica. Também, já produziu e compôs músicas para trilhas sonoras de desfiles de grifes famosas como Comme Des Garçons. Atualmente, reside entre Rio de Janeiro e Nova York. Muito querido.

terça-feira, 21 de julho de 2015

Jogos Pan-Americanos 2015 - 10.000 metros rasos masculino em pista aberta


Jogos PAN-Americanos 2015 - Uma das provas mais legais do atletismo que pude assistir hoje foi a de 10 mil metros rasos em pista aberta. Nesta competição dos 10 mil metros rasos, o brasileiro de Natércia (Minas Gerais) - Giovani dos Santos, brilhou quase toda prova em sua magnética liderança. Conquistando a 4a. colocação no final, depois de muito empurra-empurra dos competidores e um sprint alucinante de quatro atletas (dois americanos, um mexicano e um brasileiro) em busca das melhores colocações. Parabéns ao Giovani. O atleta é carismático, um grande corredor, e muito humilde. Mas uma humildade por alguém que reconhece que sabe, mas que também busca aprender e sabe reconhecer falhas. Diziam os gregos e os romanos, que atletas eram pessoas superiores. Os filósofos gregos foram os primeiros a reconhecer a superioridade do homem através das provas de atletismo. Então, Giovani continua comprovando isto e sua superioridade. Um sujeito magnífico. Foi um evento muito bonito e muito bom compreender a competição por este olhar filosófico.